Resenha: Sonho Febril



Autor: George R. R. Martin
Editora: LeYa
Ano: 2015
Páginas: 368

*Obra cedida pela editora, na forma de e-book, para resenha referente à parceria no mês de outubro.

SINOPSE
    "Uma reinvenção original e fascinante das histórias de vampiros pelas mãos do mestre da fantasia moderna George R.R. Martin. Quando o falido capitão Abner Marsh recebe uma oferta de sociedade de um rico e sinistro aristocrata chamado Joshua York, ele até chega a desconfiar que algo está errado. Mas nada que a possibilidade de receber milhares de dólares em ouro e construir o barco dos seus sonhos não possa fazê-lo mudar de ideia. Assim surge o 'Freve Dream', o melhor e mais potente barco de todo o Mississipi. Uma embarcação magnífica que, ao navegar pelo rio, vai deixando pelo caminho uma coleção de histórias sombrias. Movido pela força do vapor, o Sonho do capitão pode se transformar no maior pesadelo da humanidade." [SKOOB]

    De início o leitor é apresentado aos personagens principais da obra, e pode acompanhar a formação de uma curiosa sociedade entre o capitão Abner Marsh, dono de uma empresa de embarcações quase falida e Joshua York, homem rico e misterioso que esconde alguns segredos sombrios.
    Desse encontro surge uma proposta irrecusável, principalmente para alguém que estava quase perdendo seu negócio e logo ficaria sem dinheiro algum. York financiaria a construção de um barco a vapor, a mais veloz, imponente e soberana embarcação que navegaria nas águas do rio Mississipi,  e também o barco dos sonhos de Marsh. 

    Assim, após alguns meses de trabalho nasce o 'Freve Dream', uma embarcação magnífica e luxuosa, digna da aristocracia local, repleta de espelhos e artigos de prata em seu interior, que logo ficaria marcada na história da navegação norte americana.

    Como todo capitão, Abner Marsh tinha um sonho, superar o “Eclipse”, o maior e mais veloz barco a vapor que navegava pela região, e ele sabia que seu mais novo empreendimento tinha grades chances de mostrar-se superior, a não ser pelos constantes atrasos causados por Joshua e seus hábitos estranhos. Os dias iam passando e Marsh ficava cada vez mais irritado com o sócio, mas não podia fazer nada, pois como parte do acordo, constava que Abner não questionaria seu sócio sobre seus hábitos e companhias.
    O Freve Dream estava perdendo entregas e passageiros ao longo do rio, devido aos atrasos e aos estranhos indivíduos que embarcavam a cada nova cidade, ele logo criaria uma reputação ruim entre os navegantes e com isso o velho capitão decidiu tirar algumas satisfações com o "jovem" Joshua.

    Em meio aquela situação insustentável, Marsh reclamava e York se esquivava, até que não havendo outra maneira, York revelou seu segredo ao sócio inconformado. Ele não era um ser humano normal, era uma criatura da noite, que se alimentava de sangue por conta de sua natureza, expôs todo o cenário que havia encontrado até aquele momento, seu nascimento, a descoberta do que ele vinha a ser, como viveu e se adaptou dentre a sociedade até então.

    Marsh conheceu o verdadeiro Joshua, um vampiro que tentava combater a sede vermelha, a maldição de sua espécie, para salvar não só a sua, mas todas as raças que existiam na terra. Joshua queria unir humanos e vampiros, uma aliança em prol do fim das caçadas entre esses seres, mas assim como ele encontrou muitos aliados, vencidos pela sede e cansados de suas condições, em seu caminho também existiam aqueles que subjugavam os Homens, vampiros que viam-se como superiores e inatingíveis, como Julian Damon, um ser poderoso e cada dia mais doente pelo poder que possuia.

    Julian dominava não só a raça humana, mas seus próprios clã, era visto como o "mestre de sangue", o qual todos os outros vampiros eram submissos. Uma criatura sórdida e perversa que se divertia com o sofrimento e a angústia alheia, e aliado ao seu capacho Sour Billy Timpton, um ser humano inescrupuloso que sonhava em se tornar um vampiro, ele conseguia suas vítimas e concretizar seus mais perversos planos.

    Quando esses seres iguais e com pensamentos tão diferentes se cruzarem logo se pode imaginar no que esse encontro irá resultar, uma disputa de pensamentos e poder que tornará realidade o sonho do simples capitão Marsh...

   ...o Freve Dream será realmente inesquecível para aqueles que cruzarem seu caminho!
"A sede vermelha tomou este país e só o sangue irá saciá-la."



    Por incrível que pareça, esse é o primeiro livro de George R. R. Martin que tive a oportunidade de ler, quero muito comprar a série 'As crônicas de gelo e fogo', mas fico sempre adiando.
    Quanto a narrativa, não tenho nem o que discutir, gostei muito da forma como o autor descreve o ambiente e insere os personagens no decorrer da obra. Adoro enredos bem desenvolvidos e ricos em detalhes e nesse quesito o autor está de parabéns, já virei fã.



    Adorei a forma como o autor reinventou os vampiros, essas criaturas tão enigmáticas, inspirando-se em lendas já conhecidas e inserindo novos atributos, esses criadas a partir dos já existentes. Achei a ideia central muito criativa, o que faz com que o leitor fique ainda mais curioso a respeito das lendas vampíricas, principalmente quando relatado como seria o surgimento da espécie, algo vindo da ciência e não apenas de eventos sobrenaturais como já estamos acostumados a ver por ai.
    Também gostei muito do cenário abordado nessa obra, uma época onde era visível a divisão entre as classes sociais, a cada nova cidade em que a embarcação atracava ficava claro qual o nível de poder aquisitivo local, sem contar a inclusão de temas como racismo e a escravidão, tão bem abordadas pelo autor no decorrer do enredo.



    Confesso que em alguns momentos, durante a leitura, cheguei até imaginar a obra sendo adaptada para o cinema, com certeza seria algo de Tarantino, com sangue jorrando pra todos os lados.
    Um enredo totalmente diferente de tudo que venho lendo sobre vampiros de alguns tempos pra cá. Recomendo essa obra para todos aqueles que gostam de histórias bem elaboradas, criativas e com um toque de suspense.

Classificação

Gênero
   

16 comentários:

  1. Eu nunca li nada desse autor por medo de não gostar e me obrigar a encerrar os livros mesmo assim, já que eu sou meio pirada e não consigo realmente abandonar um livro ou uma série. Mas a premissa desse me parece muito interessante, gostei! =)

    Abraço,
    literarizei.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Milena, no começo eu estava com receio, por não ter lido nada do autor antes, mas agora já estou pensando em qual será o próximo título de Martin que vou devorar.

      Beijokas da Quel ¬¬

      Excluir
  2. Oi! Eu adoro o autor e estou com muita vontade de conhecer uma obra dele sobre vampiros.Quero ver como ele se saiu.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cida, aproveite pra ler essa então. Super recomendo!

      Beijokas da Quel ¬¬

      Excluir
  3. Oiiiii, eu infelizmente não conhecia essa obra deste obra, e posso dizer que me surpreendi pela quantidade de páginas kkkkkkkkkk e adorei essa obra, sempre me conquistam, espero ler em breve.
    Beijos ❤
    Segredosliterarios-oficial.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Morgana, leia sim, eu gostei muito dessa leitura.

      Beijokas da Quel ¬¬

      Excluir
  4. Oiiii!! Não conhecia este livro dele. Também ainda não li as guerra dos tronos, talvez consiga ler ano que vem. Achei bem interessante a história, mesmo não gostando de vampiros, fiquei interessada.

    Beijos
    www.sugestoesdelivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Criiiis, eu não curto muito vampiros, mas os de Martin estão muito longe de tudo que eu já vi até hoje :)

      Beijokas da Quel ¬¬

      Excluir
  5. Oie!
    Já tinha ouvido falar desse livro, mas não fazia muito ideia de como era a história.
    E só por ser do Martin já quero muito ler e até que gostei da história.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim, é uma história muito boa :)

      Beijokas da Quel ¬¬

      Excluir
  6. Oi Raquel, misturar RR Martin com Vampiros é demais pro meu coração!!! Que mistura alucinante. Tenho certeza que é um livro que vou querer ter na minha coleção. Já tenho as crônicas de gelo e fogo, acompanho a série e sempre vou querer mais dele. Tarantino dirigindo um possível filme? Fechou!! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gleyse, bem que eu queria que fosse adaptada. Acho que seria bem bacana e não imagino ninguém menos que Tarantino para dirigir esse banho de sangue...kkkkk

      Beijokas da Quel ¬¬

      Excluir
  7. Oi!
    Nunca li nada do George e por incrível que pareça não tenho nem vontade. Acho que não iria gostar tanto quanto todos.

    Beijos
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gustavo, eu também nunca tinha lido nada do autor. Ao contrário da grande maioria do pessoal eu seque acompanho a série televisiva, mas até que tenho vontade de ler 'As crônicas de gelo e fogo'.

      Beijokas da Quel ¬¬

      Excluir
  8. Oii,

    Interessante a história desse livro hein.
    Gostei bastante e já vou colocá-lo em minha lista.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, super indico essa obra. Eu gostei bastante!

      Beijokas da Quel ¬¬

      Excluir