Resenha: Demônios Internos - Mortes Demoníacas


Contos Macabros (volume 1) 
Autores: Josué Matos, Allison Roberto da Silva, Lucas Fernandes e outros.
Editora: Editora PenDragon
Ano: 2016 
Páginas: 240

*Obra cedida pela editora para resenha, referente a parceria de 2017.

    Demônios Internos: Mortes Demoníacas, nos leva aos mais ameaçadores e perturbadores textos dos autores do gênero, que através das palavras são capazes de nos mostrar o quão assustadores algumas situações podem se apresentar. Investigações policiais, sumiços inexplicáveis, perseguições, sequestros, mortes enigmáticas, tudo isso e muito mais pode ser encontrado aqui.

    São dezessete contos tenebrosos, repletos de sangue e mistérios, mortes macabras e seres demoníacos que farão o coração do leitor acelerar em cada página. [SKOOB]

    O livro 'Demônios Internos: Mortes Demoníacas' apresenta uma coletânea de dezessete contos macabros, com personagens sinistros e misteriosos envolvidos em situações peculiares em casas assombradas, encontros com espíritos malignos e demônios tentando passar para o outro plano, assassinatos, homicídios e suicídios. 

    Os contos são bem escritos e criativos, cada um com uma temática distinta, alguns abordam a temática demoníaca de possessão e alucinações. 
     Encontramos também diversas investigações policiais e crimes hediondos, apresentados em enredos interessantes que despertam a curiosidade do leitor. 
    Mas mesmo com qualidade e boas narrativas, achei alguns contos massantes e grandes demais, isso fez com que eu perdesse o interesse durante a leitura, devido o enrolar da situação.
    Dentre os 17 contos presentes no livro selecionei os cinco que mais gostei, seja pelo enredo bem elaborado, personagens enigmáticos ou pelo desfecho surpreendente. 

     Em 'O Amigo Imaginário', nem tudo é o que parece e o mocinho pode se revelar nem tão  heroico quanto achamos que ele é.

    'Os Seis' irá apresentar um grupo de jovens desconhecidos e um assalto mal sucedido que sairá completamente fora de controle.

    No conto 'Morte a Marteladas' somos levados a grandes questionamentos quanto a lucidez de uma mulher e o real demônio que vive dentro de cada um.

    'Coven' aborda assuntos envolvendo prática de bruxaria e um homicídio de difícil resolução.

    E em 'Bem-vindo ao Inferno', a paixão de Paula por um homem misterioso levará a moça cometer um dos piores crimes perante as leis de Deus, sua ação impensada mudará completamente seu destino. 
    Neste conto tive uma agradável surpresa em deparar com a citação de um lugar bem conhecido por mim... A protagonista é minha conterrânea, nascida em Americana, interior do estado de São Paulo. Imaginem a minha surpresa em encontrar o nome da cidade onde nasci em um livro (e olha que ela nem é tão famosa, a não ser pelo rodeio, que por falar nisso, está acontecendo nesse mês).


    Quanto a diagramação, a coloração das páginas é ótima para leitura, mas gostaria que a fonte fosse um pouco maior, assim como as margens laterais... pode ser bobagem, mas essa forma de apresentação faz com que a leitura torne-se mais lenta e um pouco cansativa.
    Alguns contos apresentaram pequenos erros de concordância e digitação, mas nada que prejudique a leitura, acredito que uma nova revisão resolveria o problema.

    Quanto a capa, ela é bem assustadora, condizendo com a proposta da obra e sua temática demoníaca, mas confesso que eu esperava contos bem mais aterrorizantes, gostei muito dos enredos e acho que por ser tão fã do gênero dificilmente me assusto com as histórias, por mais sombrias que elas sejam. 
    Na verdade alguns desfechos me deixaram bastante surpresa, enquanto outros foram bem previsíveis, apresentando personagens já conhecidos de lendas sombrias de nossa infância, como é o caso de Krampus, no conto 'Natal Negro'.


    O livro é uma boa pedida para leitores que querem conferir diversas histórias, com conclusão rápida e enredos bem elaborados. 
    Se você é daqueles que evitam histórias de terror, não precisa ter medo da leitura, se arrisque e conheça um pouco mais desse universo sombrio e acredite... a capa é única coisa que poderá tirar o seu sono 😮

Classificação

Gênero
Contos
Suspense
Mistério
Romance policial
Terror

12 comentários:

  1. Nao é todo mundo que gosta, mas eu amo contos... Pena que nesse livro voce encontrou esses contos massantes. Gostei dos temas e ainda mais do que envolvem investigaçao policial.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  2. OI Quel, não sou fã de contos, mas gostei da apresentação do livro, a capa e a temática me são muito atraentes. Espero me deparar com esse livro e poder conhecer um pouco mais dos contos. Bjs

    ResponderExcluir
  3. Eu gosto de contos, mas não gosto dessa temática de terror, por isso acho que não iria ser uma boa escolha pra mim...
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  4. Olá Quel, tudo bem???
    Super legal sua resenha ein.... A capa é mesmo bem assustadora, e apesar de não ler muito contos, já ando saturada dos poucos que li. Confesso que não curto muito ler, a não ser que chame bastante atenção. Esse infelizmente, por mais que seja se uma temática que eu curto ler, não me contagiou... Xero!

    ResponderExcluir
  5. ADORO UM TERROR <3 e adoro contos, adorei essa indicação e fico mais feliz ainda por ser nacional e por você ter dado tantas estrelas \o

    ResponderExcluir
  6. olá, infelizmente esse tipo de leitura não me atrai, mas adorei sua resenha, mesmo que não leia livros assim gosto de saber sobre eles e a opinião das pessoas. Bjs

    ResponderExcluir
  7. Eu gosto bastante de contos, e achei o livro bem interessante. Tenho curtido muito essas antologias e livros nesse estilo estão sendo publicados com grande frequência. Eu não gosto de histórias nesse estilo, mas já que você disse que não é tão assustador assim posso até dá uma chance se surgir a oportunidade. Que chato encontrar erros e algumas histórias massantes. Beijos do Wes

    ResponderExcluir
  8. Oie amore,

    Curuzes que capa mais horripilante .... apesar de sua resenha estar muito boa, não é o tipo de livro que eu curta, então vou passar a dica dessa vez!

    Beijoka!

    ResponderExcluir
  9. Oi Quel, tudo bem?

    Ultimamente tenho lido bastante coisa do gênero e me surpreendido cada vez mais. Descobri que gosto de contos sombrios e com esse lado macabro, pois são ótimos para distrair o leitor, mesmo em uma noite chuvosa. Fiquei bem curiosa com o enredo e dos seus contos preferidos o que mais chamou a minha atenção foi o "Morte a marteladas", tenho quase certeza que o adoraria. Parabéns pela resenha!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?

    Não conhecia a Editora e nem os autores, então gostei bastante de ler a respeito. Gosto muito do gênero e gosto daquelas histórias de arrepiar, mas me pergunto se não são contos demais para um livro só. Parabéns pela resenha!

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi Quel, sua linda, tudo bem?
    Ah, você sabe que eu sou medrosa, esses livros com espíritos e demônios não são para mim, risos... Mas gostei da parte da investigação. pelo visto nem todos os contos são bons, mas no todo, parece ser uma boa leitura para quem gosta do gênero. Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia, mas me interessei demais. Amo histórias de terror, e por ser conto eu me empolgo muito mais. Realmente fiquei curiosa com o Amigo Imaginário, adoro quando os personagens não são o que esperamos que sejam. Obrigada por me apresentar a obra.

    ResponderExcluir