Resenha: Horror na Colina de Darrington


Autor: Marcus Barcelos
Editora: Faro Editorial
Ano: 2016
Páginas: 144

* Obra cedida pela editora no formato de livro físico, para resenha, referente a parceria de 2016.

    Em 2004, Benjamin Simons deixa o orfanato em que viveu desde a infância para ajudar alguns parentes num momento difícil: com sua tia debilitada e o tio trabalhando dia e noite, precisavam de alguém para tomar conta de sua prima Carla, de apenas cinco anos de idade.

    No entanto, certa madrugada, a tranquilidade da colina de Darrington é interrompida por um estranho pesadelo, que vai tomando formas reais a cada minuto. Logo, Ben descobre-se preso numa casa que abriga mistérios, onde o inferno parece mais próximo e o mal possui uma força evidente.

    Passaram-se mais de 10 anos. Isso tudo aconteceu quando Ben estava com dezessete anos, e foram experiências das quais ele preferia esquecer completamente…

    Mas aquele passado o acompanha de perto. Ben sente que precisa voltar e sabe que, ou desvenda tudo ou sempre viverá com medo. Então, ele decide contar, e traz numa narrativa angustiante e rica em detalhes tudo o que viveu e todas as batalhas impensáveis que travou para tentar manter a si próprio e a jovem prima em segurança. E se descobre no centro de uma conspiração capaz de destruir até a sua própria sanidade.

    Onde termina o inferno e começa a realidade? [SKOOB]

    'Horror na Colina de Darrington' tem início com a apresentação do protagonista Benjamin, na qual ele mesmo relata ter vivenciado uma terrível experiência a cerca de onze anos antes, mas nunca esteve preparado psicologicamente para revelar o que realmente aconteceu naquela ocasião.

    O jovem que na época tinha dezessete anos, órfão residente no Orfanato Saint Charles localizado em New Hampshire, fora procurado pelo tio Romeo para passar uma temporada em sua casa, com o propósito de cuidar de sua priminha de cinco anos, Carlinha, pois sua tia Julia havia sofrido um violento derrame entrando em estado vegetativo. Ele tinha uma prima mais velha, Amanda, que morava em outra cidade, Derry, pois fazia faculdade e não podia cuidar da irmã menor. O tio tinha jornada dupla de trabalho e muitas vezes tinha que passar dias viajando, restando para Benny a tarefa de fazer companhia para a pequena Carla.


    Mas o que parecia uma estadia tranquila se tornou um terrível tormento quando o garoto passou a presenciar situações estranhas no interior da casa. Tudo começou em uma madrugada quando desceu até o primeiro andar da casa para tomar um copo de água e se deparou com Carlinha no pé da escada fazendo caretas para o "nada". Benny ficou intrigado, mas foi quando a prima explicou o que estava fazendo ali, e principalmente, o que estava vendo pendurado em uma das vigas, foi que o jovem ficou completamente assustado.
    Não bastava a criança estar vendo uma moça enforcada, o próprio Benny também foi capaz de ver um crime cometido a alguns anos atrás na casa onde agora residia seus familiares.

    Daí por diante uma série de acontecimentos são descritos, tudo ocorrido em um período de poucas horas, e de início não fica claro se o que está acontecendo tem origem sobrenatural ou são artimanhas de pessoas inescrupulosas. A trama vai ganhando uma ambientação cada vez mais sombria e enigmática, e o jovem Benny começa a duvidar de sua sanidade mental. Seria possível que a casa estava deixando-o louco?


    Para quem acompanha nosso blog, sabe que eu simplesmente adoro o gênero, sou fã de histórias de terror desde que me entendo por gente...sim, eu fui uma criança perturbada que se divertia com os primos assistindo filmes assustadores (Uahahahahahhhh!) e confesso que conhecer essa obra foi uma surpresa maravilhosa, pois fiquei muito impressionada com a atmosfera sombria e perturbadora de 'Horror na Colina de Darrington'.

   A trama é repleta de mistérios, com o caminhar do enredo é quase impossível que o leitor não se questione sobre sua própria lucidez, pois fica cada vez mais difícil saber quanto os relatos do protagonista são reais ou se apenas ocorreram na mente perturbada do mesmo. Isso faz com que o livro seja ainda mais empolgante, ponto positivo para o autor ;)

    Gostei muito da forma como a história é narrada, as mudanças cronológicas entre passado e presente e a inserção de informações extra narrativa, como arquivos do departamento de polícia local e recortes de jornal da época na qual todos os eventos ocorreram. Isso ajuda a prender a atenção do leitor, trazendo-o para dentro da história, como se ela fosse real, uma sacada fascinante.


    A diagramação está impecável, o detalhe que mais chamou minha atenção foi a coloração de toda a lateral da obra...muitas editoras têm diversificado a qualidade da apresentação de suas obras, e com essa não foi diferente. A Faro Editorial realizou um trabalho primoroso aqui, tanto pelo cuidado com a edição que apresenta uma ótima revisão (não encontrei nenhum erro aparente) quanto pela qualidade geral da obra...gente, o que são essas imagens que ilustram os acontecimentos a cada final de capítulo? Eu estou babando até agora.
    Não tenho nem o que dizer sobre a escolha da fonte, tamanho e coloração das páginas, só posso afirmar uma coisa, esse é um dos exemplares mais bonitos que li nesse ano, a editora está de parabéns!
    
    Essa é uma leitura bem rápida, levei poucas horas para concluí-la e ao terminá-la ansiava por mais e mais páginas.
    Quanto o final, esse é surpreendente, deixando um gancho para uma nova história, a qual estou aguardando desesperadamente.




Classificação

Gênero
Suspense
Mistério
Terror

33 comentários:

  1. Muito legal o post, é daqueles que nos animam a procurar pelo livro. O gênero de terror nunca foi o meu predileto, mas algumas abordagens são bastante interessantes em algumas obras. E parece ser esse o caso. Abraços!

    ResponderExcluir
  2. ah, já fiquei na ansiedade lendo a resenha, que dirá se eu tiver o livro em mãos *-*
    anotei a dica, tbm amo o gênero... a premissa dele me deixou super curiosa... bjs ^^

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem Quel?

    Eu recebi esse livro da Faro, aliás eu solicitei, achei super foda o trabalho deles, projeto gráfico maravilhoso, de 10 mil exemplares da primeira edição, sobraram apenas 1000 e o livro não tem um mês que lançou.

    Sua resenha está muito boa, objetiva, gostei da abordagem. É tão bom quando chegamos ao final da obra e temos algo surpreendente!

    ResponderExcluir
  4. Oiii Quel, tudo bem?
    Adorei a resenha. Adoro livros do gênero, mas filmes? Nem pensar! ahahahhahah Vai entender :3
    E eu fiquei muito curiosa com esse livro. Acho que eu iria curtir muito :) E cara, ver os assassinatos anteriores... que medo ahhahahha
    Beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu já gosto desse gênero de suspense e terror! boa dica.

    ResponderExcluir
  6. Oiii Quel, tudo bem?
    Menina que livro mais lindo é esse? Eu já conhecia porque tenho adicionado o autor e fiquei encantada pela forma em que a edição é bela, quero ler com toda certeza!
    Abraços

    ResponderExcluir
  7. Eu admiro as pessoas que gostam sobre história de terro , quando eu era uma criança gostava muito de assistir filmes de terror, mas eu tinha muitos pesadelos rsrs minha mãe sempre me acordou para ver se eu estava bem. Foi quando criança, mas hoje não é o meu forte terro ou violento,bem interessante seu post arrasou!

    ResponderExcluir
  8. Quel de Deus já mei tudo isso!
    Também sou super fã do gênero.
    E ainda bem bem que ele está vivo pra contar! rs
    Anotado para ler logo!
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Daqui já deu pra sentir a tensão do livro, é um livro muito empolgante, cheio de mistérios, suspense, é um livro que dá um medo a capa já é meio assustadora, mas é um bom livro pra ler, gostei da sua sugestão a resenha ficou super boa parabéns, Raquel bjs.

    ResponderExcluir
  10. Oi Quel! Somos duas perturbadas então, mas minha companheira destes filmes era minha irmã. Não conhecia o Livro ainda é acho que o enredo tem tudo para me agradar. Eu já comecei a imaginar algumas cenas em filme kkkk
    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Olá! Tudo bem? Nunca ouvi falar nesse livro. Mas como amo terror irei dar uma olhada. Adorei sua resenha! Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Muito boa a resenha! Apesar de não curtir muito terror, dá uma vontade de ler o livro hehe Muito interessante, beijos

    ResponderExcluir
  13. Heyy Quel, feliz que vc tenha curtido a leitura. O livro parece ótimo, mas vou confessar que morro de medo de ler terror. Não curto muito o estilo. Parabéns pelo post.
    http://www.facesemlivros.com/

    ResponderExcluir
  14. AMO chegar nos blogzinhos literarios e ter resenhas sobre livros de horror/terror/suspense. Minha alma chega se alegra. ♥
    Primeiramente, preciso desse livro. E segundo, me lembrou Horror em Amityville então necessito dele pra ontem, vou dar um jeitinho de incluir ele no carrinho de compras desse mês (meu pai vai me matar, hahaha) mas graças a esse mês lindo de halloween conheci tanto livro legal que dá vontade de beijar cada um dos bloggers que abordaram o assunto. Amey tua resenha, sucesso e muitos livros para ti. Beijão.

    ResponderExcluir
  15. Como assim eu não conhecia esse livro? Gente... que premissa!!!
    Estou participando de uma maratona literária do terror e se eu já gostava do gênero, agora estou apaixonada. Vou ler esse livro com certeza!!!!
    Gostei da sua resenha, clara e detalhista :)
    Valeu pela dica!
    Abraços ^^

    ResponderExcluir
  16. Olá Quel, que máximo esse livro, ainda não conhecia, mas fiquei empolgada para ler a história pela sua resenha. A capa é sinistrona adorei. Bjs

    ResponderExcluir
  17. lá, Quel. Essa é uma das edições mais bonita de minha estante, a Faro realmente fez um ótimo trabalho. Adorei o enredo do livro, realmente o autor conseguiu me surpreender.

    ResponderExcluir
  18. Sou meio medrosa quanto aos assuntos de terror, mas enquanto lia sua resenha lembrei muito do meu irmão mais novo que desde muito pequeno sempre curtiu o estilo. E o pior, vivia me assustando pois sabia que eu tinha medo....rs
    Mesmo não sendo meu estilo, parece que o livro tem uma boa história e que cumpre muito bem o seu papel. Isso me deixou com uma pitada de vontade de arriscar a leitura. Se não fosse o meu medo, acho que tentaria ler...
    Mas vou passar a indicação tanto para meu irmão como para um dos colunistas do blog que curte o estilo :)
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  19. Oiee Quel ^^
    Esse livro não me é estranho, acho que eu já tinha visto a capa dele antes, e talvez alguma resenha *-* Parece ser muito interessante, fico feliz em saber que o autor consegue prender o leitor à história e manter o mistério firme... Mas eu não curto o gênero *-*
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  20. Olá!
    Não conhecia a obra, mas me interessei bastante. A capa chama atenção e pela premissa e sua resenha, parece ser uma ótima história. Geralmente esses livros com casas onde histórias macabras acontecem, tendem a me assustar bastante.
    Curiosa para saber como a história termina.
    Beijos.

    Li
    literalizandosonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Oi! Eu sou meio medrosa confesso hahahah
    Tenho medo de histórias de fantasmas especificamente, sou meio impressionável. Adorei a sua resenha e já sei pra quem vou indicar!
    bjos

    ResponderExcluir
  22. Olá,
    Estou adorando esse outubro sombrio, mesmo não sendo grande fã do gênero estou tendo a oportunidade de conhecer obras que parecem ser maravilhosas e estou anotando as dicas para que no futuro dê uma chance aos livros.
    Gostei de saber suas impressões sobre a obra e também que você era uma criança perturbada kkkk
    Gosto de filmes do gênero, mas até agora não flui muito os livros.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Olá!
    Não conhecia a obra e fiquei curiosa, uma história um tiquinho perturbadora hein rs' eu quando criança morria e ainda morro de medo de filmes de terror, agora que estou começando a ler alguns livros do gênero e assistir de vez em quando alguns filmes rs' no entanto, o livro me parece ser muito bom e de deixar a luz acessa rs' espero conferir a obra!

    Beijos!
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Olá !!! Ainda não conhecia esse livro. Gostei bastante da sua resenha, despertou meu interesse. E minha lista de leitura sempre aumentando. Mega bjooooooo
    http://blogaventuraliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Olá, não sou muito fã de terror não, mas esse eu quero ler, suas impressões chamaram minha atenção demais, agora quero saber se Benny é perturbado apenas ou tem algo mais, essa sacada do recorte de jornais foi demais mesmo.Parabéns pela resenha, bjs

    ResponderExcluir
  26. Raquel, deu pra perceber como a história é envolvente e cheia de mistérios, mas infelizmente, diferente de você, eu fui uma criança medrosa e acabei virando uma adulta bem mole para essas coisas.

    ResponderExcluir
  27. Livro instigante. Não o conhecia. Certamente estará na lista de leituras futuras. Um abraço!

    ResponderExcluir
  28. Oi Raquel! Nossa, fiquei arrepiada só de ler sua resenha. Eu curto o gênero, mas sou medrosa, mas curti a premissa dele e me interessei em ler. Quero descobrir os mistérios de toda a trama, beijos!

    ResponderExcluir
  29. Adoro esse gênero de leitura. Não curto muito filmes de terror, mas livros eu adoro. Claro que rola aquele medinho, mas isso faz parte, né? Adorei a dica, já anotei!

    Tatiana

    ResponderExcluir
  30. Não sou fã de terror, atmosfera sombria e perturbadora não é pra mim... Rs... Não teria estômago pra pessoa enforcada ou pros crimes que eles viram, ou acharam que viram, vai saber... Hehe... Que bom que gostou, mas eu não leria.

    ResponderExcluir
  31. Oi Quel, sua linda, tudo bem?
    Adorei essa história!!! O que me ganhou na trama, foi a questão do assassinato que ocorreu no passado e a dúvida se era real, sobrenatural, ou até mesmo armação de alguém. Será que essa família tem alguma relação com o assassinato? Fiquei mega curiosa. Não conhecia, mas foi para a lista com certeza!!!! Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
  32. Mais uma resenha de terror e me parece bom demais para que eu queira ler. Não sei se medo ou receio, mas confesso que não me animo muito pra ler histórias de horror, hehe.
    Beijos

    ResponderExcluir
  33. Um ótimo texto para um ótimo livro.
    Realmente, toda a diagramação e o trabalho da editora está impecável.

    Abraços
    naciadelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir