Uma Série de Desventuras

Em comemoração às 20.000 curtidas da página estamos realizando uma semana especial com o tema 'Desventuras em Série'. Os LiteraLeitores que nos acompanham pela Fan page, estão aproveitando e descobrindo um pouco mais sobre essa série infanto juvenil que conquista diversos leitores pelo mundo a cada dia, mas e você? Conhece a série? Quantos livros a compõe no total? Quais os personagens centrais das obras? E o vilão?


Aqui no blog eu já postei algumas resenhas da série, se eu não me engano foram sobre os quatro primeiros livros...mas para que você tenha mais informações sobre o universo e perigos enfrentados pelos irmãos Baudelaire, vou falar um pouquinho mais sobre eles...quem sabe não consigo aguçar sua curiosidade fazendo com que você corra até a livraria mais próxima na busca por essas desventuras, vale a pena tentar!



DESVENTURAS EM SÉRIE 

   É uma série composta por treze livros, escrita por Lemony Snicket (pseudônimo de Daniel Handler). A arte das capas e ilustrações presentes em todo o conteúdo foram realizadas por Brett Helquist.


"Sinto muito dizer que o livro que você tem nas mãos é bastante desagradável. Conta a infeliz história de três crianças sem muita sorte."

     A série relata as desventuras vividas pelas três crianças, Violet, Klaus e Sunny Baudelaire, após a morte de seus pais em um incêndio. 


   Violet Baudelaire: Uma garota esperta de quatorze anos, é a mais velha dos Baudelaire. Também é uma grande inventora e essa habilidade colaborou várias vezes com a sobrevivência dos irmãos. Quando está inventando algo sempre prende seu cabelo com uma fita, para que o mesmo não atrapalhe sua concentração.
   Klaus Baudelaire: Um jovenzinho muito inteligente de doze anos, é o irmão do meio e amante dos livros. Emprega seu conhecimento literário para descobrir maneiras de fugir do  terrível Conde Olaf. 
    Sunny Baudelaire: A mais nova dos Baudelaire deixa qualquer dentista espantado com sua capacidade de morder. Em qualquer oportunidade, Sunny usa seus quatro dentes afiados e à medida que vai se desenvolvendo mostra possuir habilidades culinárias. Sunny tem um vocabulário pouco inteligível, sendo assim, somente os irmãos a entendem e o autor vai traduzindo no decorrer da história.

   Os terríveis acontecimentos que acercam os órfãos são gerados pela ganancia de um homem cruel e desonesto que busca de qualquer modo colocar as mãos na herança das crianças.
    Esse homem denominado Conde Olaf, foi o primeiro tutor dos órfãos Baudelaire após o desastroso incidente com seus pais. Um artista em decadência que com a ajuda de sua trupe de vigaristas dedica-se a fazer da vida das crianças um inferno. A cada livro o Conde usa de diversos artifícios para enganar e capturar os três órfãos, persegue-os aonde quer que eles vão e muitas vezes se disfarça para não ser reconhecido. O engraçado da história toda é que os personagens adultos sempre são enganados, caem nas armadilhas do Conde, enquanto que as crianças, muito espertas, sempre descobrem de cara os planos malignos do antagonista.

   Devido as maldades de Conde Olaf os três órfãos sempre são acusados em qualquer situação e problemas que aconteçam, passam por diversas dificuldades, mas nunca desistem de buscar um lugar onde possam viver tranquilos e desfrutarem da companhia uns dos outros, são crianças sábias, amorosas e nunca perdem a esperança ou desistem em meio aos infortúnios que aparecem em seus caminhos.

   Mas nem tudo está perdido, pois no caminho das crianças, hora ou outra, também aparecem pessoas boas, dispostas a ajudar em sua longa jornada na busca pela felicidade, por mais longe que essa pareça estar. E além das desventuras, as crianças Baudelaire fazem uma série de descobertas e acabam envolvendo-se em uma trama de incríveis mistérios e organizações secretas. Muitas aventuras aguardam o trio a cada livro e apesar de tudo as crianças são felizes a seu modo.

   O primeiro livro da série foi lançado em 1999 nos EUA pela editora HarperCollins, com o títuloThe Bad Beginning. No Brasil, a editora Companhia das Letras foi responsável pelo lançamento das obras de "Lemony Snicket", tendo início em 2001.
   Os títulos das obras em ordem cronológica são: Mau Começo, A Sala dos Répteis, O Lado das Sanguessugas, Serraria Baixo-Astral, Inferno no Colégio Interno, O Elevador Ersatz, A Cidade Sinistra dos Corvos, O Hospital Hostil, O Espetáculo Carnívoro, O Escorregador de Gelo, A Gruta Gorgônea, O Penúltimo Perigo e O FIM.





   O que eu mais gosto nos livros é a forma como a história é narrada e o sarcasmo aplicado pelo autor na narrativa, simplesmente fantástico, "Lemony Snicket" é incrível, o leitor se prende à história de tal modo que torna-se quase impossível desgrudar da leitura...você quer desesperadamente saber como terminará essa série de desventuras.

   Uma adaptação para o cinema dos três primeiros livros da série, Mau Começo, A Sala dos Répteis e O Lago das Sanguessugas, foi lançada no dia 14 de dezembro de 2004. Com um elenco grandioso, composto por importantes nomes do cinema mundial:  Jim Carrey (Conde Olaf), Meryl Streep (tia Josephine), Jude Law (Lemony Snicket - voz), Emily Browning (Violet Baudelaire), Liam Aiken (Klaus Baudelaire), Timothy Spall (sr. Poe), Billy Connolly (tio Monty), Catherine O'Hara (Juíza Strauss) e Dustin Hoffman (crítico de teatro).


   Pode parecer uma série dramática, e você deve estar se perguntando: Tem certeza que são livros do universo infanto juvenil? O enredo me parece tão triste, que criança gostaria de ler isso?
   A princípio pode parecer estranho, mas acredite, trata-se de uma história fantástica, você aprenderá muito, o vocabulário é riquíssimo e a sensação do autor estar conversando com você é mágica e indescritível.
 A história dos órfãos Baudelaire pode mostrar-se sofrida à princípio, mas a força que essas crianças têm pelo simples fato de estarem juntas é inspiradora, na verdade os livros são bem engraçados e divertidos se você abrir sua mente e viajar pelo maravilhoso universo de Snicket...crianças super inteligentes que botam qualquer adulto "no chinelo", e acho que essa é uma das lições a serem aprendidas e exatamente o que o autor quer passar aos leitores: "a inocência de uma criança a faz enxergar coisas que nem mesmo um adulto é capaz, a forma como ela vê o mundo é fantástica, coisas que estão bem diante dos nossos olhos e não paramos sequer um segundo para dar-lhes atenção, é tão óbvio e não enxergamos, por que será?

   Abra a sua mente...e você compreenderá além do compreensível!






2 comentários:

  1. Nunca li nenhum livro, mas tenho muita vontade de ler >< , acho que deve ser muito bom. Já vi várias vezes o filme, assim que tiver a oportunidade lerei !

    Bjoos Miih

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Miih, se tiver oportunidade leia sim...a narrativa é ótima, é uma das minhas séries literárias favoritas ;)

      Obrigada pela visita

      Beijokas da Quel ¬¬

      Excluir