Resenha: Ondas Poéticas



Autores: Diversos
Editora: Darda
Ano: 2015
Páginas: 191

* Livro cedido pela editora para resenha referente a parceria.

SINOPSE
    "Neste mar de inspirações, navegam poetas e poetisas, nossas Ondas Poéticas, que nos tocam com sua sensibilidade e vida. Este livro é um hino livre, oriundo de cantos marítimos, que nos chegam encantando. declarada e imensamente, o nosso coração..."  [SKOOB]

    Embarque comigo em uma coletânea de sentimentos...

    Nesta obra encontramos um conjunto de lindas poesias, algumas nos fazem refletir sobre a vida, momentos felizes que ficaram para trás e tristezas que servem de exemplo para seguirmos nosso caminho lutando. Outras, são experiências ainda não vivenciadas, sonhos os quais busca-se realizar.

   Através desses pequenos textos é possível viajar por diversos lugares, entrar na mente dos autores e enxergar sentimentos ocultos. Vamos descobrir possibilidades!

Por Medo

No mais alto e frondoso galho
da mais bela árvore
do jardim
das minhas memórias,
guardei os belos sentimentos.,
todos eles,
para usar nos melhores momentos.
Guardei-os por cuidado, apego, egoísmo?
Guardei! Guardei! Guardei!
Como guardaria uma joia, um tesouro, um milhão.
No céu, um arremedo de trovão seguiu o raio de luz.
Noite escura!
Foi ao chão tudo o que estava reservado.
Por medo!
Medo da chuva que viria em forma de temporal.
Medo do frio que viria em forma de vendaval.
Medo do amor que vivia de forma passional.
Veio o dia.
O sol brilhou.
Tudo de melhor que havia,
O medo levou.

                                                - Nana Abud



    Confesso que de alguns tempos para cá, comecei a me interessar mais por esse gênero literário. Para alguns podem significar apenas um conjunto de sentimentos, mas acredito que sempre há algo escondido por detrás de um poema.

   Aprecio a criatividade dos autores que têm o dom de escrever texto tão curtos e ao mesmo tempo tão significativos. Gosto dos mais variados tipos, das mais variadas formas... Alguns com temática e escrita clássica que arrancam suspiros dos leitores e deixam saudades, outros mais modernos, que chegam sem avisar dando um "caldo" em quem o lê e no momento que partem, carregam toda a sensatez que antes ali existia, proporcionando momentos intermináveis de reflexão
Voa, Vento

Venta, vento, vendaval.
Voa, vento... Vento, voa...
Vertigem viajando voraz
virando vilas e vielas.

Venta vertendo vida.
Vento vindo veloz.
Vendaval varrendo
verandas, vilas e vielas.

Venta, vento, vendaval.
Voraz vertigem
virando valente,
velhas verdades.

Venta vertendo vida.
Vento, ventania,
voa varrendo
verdades velhas.
Voa, vento... Vento, voa...


                                                        - Joselane da Assunção Soares



   Os poemas aqui presentes, além de bem escritas, apresentam um diversificada forma de estruturação. Juntamente com a variedade de tamas, tornando a leitura mais envolvente e dinâmica, e assim conquistam o leitor. 
    Mesmo com capa e diagramação simples, o livro não deixa nada a desejar. Recomendo para todos os apaixonados pelo gênero e também para os que pretendem se arriscar uma primeira vez...

    Deixe-se levar pela magia do amor, seus encontros e desencontros que partem rumo ao tão esperado "final feliz"... Nade na maré desse imenso mar de sentimentos. Inspire-se com as palavras doces que chegam a cada nova onda...ou melhor, PÁGINA!

Classificação


Gênero
Poesia


25 comentários:

  1. Oi, não conhecia o livro, mas gosto bastante de poesias.

    http://mysecretworldbells.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. é tão legal ver colegas blogueiros dando oportunidade a livros de contos, poemas, poesias. Acho uma leitura leve e de reflexão.
    Voa, Vento é linda ♥ Me lembrou ate uma música bem antiga.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  3. Ah, as poesias! Sentimentos transformados em palavras! ^^ Acho lindos os com temática e escrita clássica, admiro muito quem os escreve, mas acho belos os com estrutura diferente também. :D
    Curti o trecho "voa varrendo verdades velhas". :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Oii, tudo bom? Como você disse, os poemas são bem escritos (pelo menos os transcritos acima), mas, não gosto muito de ler poemas, então não compraria o livro. Apesar disso, gostei muito da sua resenha e da forma como você falou de dados importantes como estruturação e mudanças de temas. Parabéns pela resenha ^^

    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  5. Eu não sou lá muito fã de livros de poemas e poesias, mas assumo que gosto de ler posts que falam sobre esses livro ou ler algumas poesias soltas em posts. Preferência pessoal...

    ResponderExcluir
  6. Olá , acho tão lindo livros de poesias , contos e poemas .Quando era mais nova tinha um caderno cheio das mais lindas e belas e lindas poesias . Parabéns pela resenha ♥

    ResponderExcluir
  7. Oie Quel!
    Não sou muito chega em poesias, mas acho que tem que ser muito criativo para fazê-las!!
    Adorei a "Voa Vento" que você separou, muito bonito!!
    Beijos!!


    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  8. Ah, que maravilha! Eu amo poesia! Gostei muito da primeira, Por medo, pois acho que define bem o que acontece com muitos de nós. Quanto guardamos e quanto perdemos por causa do medo, né? Adorei!

    Tatiana

    ResponderExcluir
  9. Oi Quel, gosto de poesia, mas já tem um bom tempo que não leio nada do gênero. Gostei dos dois poemas que você colocou, principalmente deste segundo. Estou anotando sua dica.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  10. Olá Quel, já respirei muita poesia, já inclusive escrevi muitas, mas hoje em dia não sou mais tão ligada a elas, porém sei admirar quando vejo alguma bela, essa por medo é linda!
    Adorei a postagem, beijos!

    ResponderExcluir
  11. Oi, Quel, tudo bom?

    Eu, particularmente, não gosto muito de poesias e nunca tinha visto uma resenha sobre um livro do gênero. As vezes pego uma poesia pra ler de vez em quando, mas não estou nessa vibe no momento, mas gostei bastante desse Voa, Vento! É bem bonita.

    Abraços,
    http://claqueteliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá!

    Admito que não tenho muito o costume de ler poesias, mas estou tentando mudar isso, pois sei que existem umas muito boas por ai. Gostaria de começar com algo do Mario Quintana. Mas quem sabe eu não acabe começando por este livro hein?


    Beijinhos!
    Cantinho Cult

    ResponderExcluir
  13. Olá,
    Quase não leio livros de poesias, tenho alguns em casa e li um ou dois.
    Não é meu gênero.
    Gostei bastante das poesias selecionadas e bom saber que é uma leitura prazerosa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Olá! Livros de poesias são um encanto mesmo! Gostei bastante das poesias que você apresentou, achei o tom bem sensível. Deve ter sido uma delícia a leitura, beijos!

    ResponderExcluir
  15. Meu primeiro contato com a literatura foi por meio de poemas, o Mário Quintana foi o primeiro autor do gênero, foi amor/paixão a primeira vista, nunca mais passou, continuo no mesmo estado de êxtase até hoje. Que ter a oportunidade de ler esse livro :)

    ResponderExcluir
  16. oi ^^
    gostei da sua opinião, mas não é um livro que eu leria porque não me interesso muito por poemas, mas para quem gosta deve ser ótimo.
    no mais o mesmo tem uma capa bem bonita. Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  17. Oi Quel, tudo bem??
    Eu adoro poemas... sempre gostei desde que me entendo por gente, claro que não é algo muito profundo, mas eu gosto e sempre que posso eu vou lendo... adorei o primeiro poema... ele fala de sentimentos... de forma simples... e nos leva refletir... e a colocar os pensamentos em dia. que bom que você curtiu... espero que os livros de poesia de encante cada vez mais... Xero!

    ResponderExcluir
  18. livro com lindas poesias reflexivas. Um prato cheio para quem é fã do gênero.
    A edição é linda!

    Beijinhos...
    http://estantedalullys.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Olá, muito legal sua resenha. Ainda não conhecia a obra mas gosto de ler poesias de vez em quando, gostei muito da primeira que você colocou.

    ResponderExcluir
  20. Já tentei, mas não consigo gostar de poesia. Simplesmente não me envolvo, a segunda que você colocou na postagem nem consegui ler até o final. Infelizmente tem coisas que não são pra gente, né? Eu e a poesia não nos entendemos, mas que bom que gostou da leitura e recomenda.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  21. Olá!
    Legal ver um resenha sobre um livro só sobre poemas, poesias, e textos por esses caminhos, pois é algo que está ficando cada vez mais difícil de se ver na blogosfera.

    Beijos
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Olá, tudo bem?
    Achei este livro muito legal, achei interessante ele reunir contos poéticos para que mais leitores se interessem. Não sou muito fã de poesias, mas acho legal quando juntam vários contos.
    Gostei muito da sua resenha!
    Beijos, Larissa (laoliphant m.com.br)

    ResponderExcluir
  23. Olá, apesar de não gostar muito do gênero gostei do post, e das poesias que você escolheu para expor.

    ResponderExcluir
  24. Olá,
    Não acompanho muito poesia, então realmente não entendo muito. Mas mesmo achei bonitos os versos, e com certeza precisa ter muita criatividade.
    http://euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
  25. Oiee, tudo bem?

    Que capa super fofa! Não achei simples não, achei com cara de capa de livro de poesia =P. Confesso que poesia não é a minha praia, mas que bom que você conseguiu se inspirar com a leitura.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir