Um Poema Chamado Mulher


    "Era uma vez... numa terra muito distante...uma princesa linda, independente e cheia de auto-estima.
    Ela se deparou com uma rã enquanto contemplava a natureza e pensava em como o maravilhoso lago do seu castelo era relaxante e ecológico... 
    Então, a rã pulou para o seu colo e disse: linda princesa, eu já fui um príncipe muito bonito. 
    Uma bruxa má lançou-me um encanto e transformei-me nesta rã asquerosa. 
    Um beijo teu, no entanto, há de me transformar de novo num belo príncipe e poderemos casar e constituir lar feliz no teu lindo castelo. 
    A tua mãe poderia vir morar conosco e tu poderias preparar o meu jantar, lavar as minhas roupas, criar os nossos filhos e seríamos felizes para sempre... 
    Naquela noite, enquanto saboreava pernas de rã sautée, acompanhadas de um cremoso molho acebolado e de um finíssimo vinho branco, a princesa sorria, pensando consigo mesma: 
    - Eu, hein?... nem morta!"

- Luis Fernando Veríssimo



Menina e Moça

"Está naquela idade inquieta e duvidosa, 
Que não é dia claro e é já o alvorecer; 
Entreaberto botão, entrefechada rosa, 
Um pouco de menina e um pouco de mulher. 

Às vezes recatada, outras estouvadinha, 
Casa no mesmo gesto a loucura e o pudor; 
Tem coisas de criança e modos de mocinha, 
Estuda o catecismo e lê versos de amor. 

Outras vezes valsando, e seio lhe palpita, 
De cansaço talvez, talvez de comoção. 
Quando a boca vermelha os lábios abre e agita, 
Não sei se pede um beijo ou faz uma oração. 

Outras vezes beijando a boneca enfeitada, 
Olha furtivamente o primo que sorri; 
E se corre parece, à brisa enamorada, 
Abrir asas de um anjo e tranças de uma huri. 

Quando a sala atravessa, é raro que não lance 
Os olhos para o espelho; e raro que ao deitar 
Não leia, um quarto de hora, as folhas de um romance 
Em que a dama conjugue o eterno verbo amar. 

Tem na alcova em que dorme, e descansa de dia, 
A cama da boneca ao pé do toucador; 
Quando sonha, repete, em santa companhia, 
Os livros do colégio e o nome de um doutor. 

Alegra-se em ouvindo os compassos da orquestra; 
E quando entra num baile, é já dama do tom; 
Compensa-lhe a modista os enfados da mestra; 
Tem respeito a Geslin, mas adora a Dazon. 

Dos cuidados da vida o mais tristonho e acerbo 
Para ela é o estudo, excetuando talvez 
A lição de sintaxe em que combina o verbo 
To love, mas sorrindo ao professor de inglês. 

Quantas vezes, porém, fitando o olhar no espaço, 
Parece acompanhar uma etérea visão; 
Quantas cruzando ao seio o delicado braço 
Comprime as pulsações do inquieto coração! 

Ah! se nesse momento alucinado, fores 
Cair-lhes aos pés, confiar-lhe uma esperança vã, 
Hás de vê-la zombar dos teus tristes amores, 
Rir da tua aventura e contá-la à mamã. 

É que esta criatura, adorável, divina, 
Nem se pode explicar, nem se pode entender: 
Procura-se a mulher e encontra-se a menina, 
Quer-se ver a menina e encontra-se a mulher!" 

- Machado de Assis, in 'Falenas' 




A Mulher que Passa

"Meu Deus, eu quero a mulher que passa.
Seu dorso frio é um campo de lírios
Tem sete cores nos seus cabelos
Sete esperanças na boca fresca!

Oh! como és linda, mulher que passas
Que me sacias e suplicias
Dentro das noites, dentro dos dias!

Teus sentimentos são poesia
Teus sofrimentos, melancolia.
Teus pêlos leves são relva boa
Fresca e macia.
Teus belos braços são cisnes mansos
Longe das vozes da ventania.

Meu Deus, eu quero a mulher que passa!

Como te adoro, mulher que passas
Que vens e passas, que me sacias
Dentro das noites, dentro dos dias!
Por que me faltas, se te procuro?
Por que me odeias quando te juro
Que te perdia se me encontravas
E me encontrava se te perdias?

Por que não voltas, mulher que passas?
Por que não enches a minha vida?
Por que não voltas, mulher querida
Sempre perdida, nunca encontrada?
Por que não voltas à minha vida?
Para o que sofro não ser desgraça?

Meu Deus, eu quero a mulher que passa!
Eu quero-a agora, sem mais demora
A minha amada mulher que passa!

No santo nome do teu martírio
Do teu martírio que nunca cessa
Meu Deus, eu quero, quero depressa
A minha amada mulher que passa!

Que fica e passa, que pacifica
Que é tanto pura como devassa
Que boia leve como a cortiça
E tem raízes como a fumaça."

- Vinícius de Moraes


    "Parabéns para você, que, linda, lida com explosões hormonais uma vez ao mês. Que sente tudo inchar. Que chora por besteira. Que valoriza bobagens. Que acredita em filmes de amor. Que faz coleção de esmaltes. Que ama sapatos, bolsas e cacarecos para colocar no cabelo. Que compra só porque estava em liquidação. Que sempre precisa de alguma coisa. Que acha o amor a coisa mais bonita – e importante desse mundo. Que sabe como é fundamental olhar para si mesma – ainda que de vez em quando se perca e se preocupe em demasia com o "querer" do outro. Parabéns para você, que dia a dia aprende mais sobre você mesma. Que erra para aprender. Que é forte o suficiente para seguir em frente – sem lamúrias, mas com maturidade e sensatez. Que de vez em quando esquece a própria idade e o juízo em algum canto. E depois acha, como mágica. Parabéns para você, que tem um sonho. Que não desiste, apesar do que falam. Que não se abala, apesar do medo. Que sente uma fraqueza interna, mas caminha com passos firmes. Que fica tonta, mas não desmaia. Que apesar de cada pedra no caminho, corre. Que reclama dos problemas, mas entende que a vida é feita deles. Que tenta entender o defeito alheio – e procura perceber os seus."

- Clarissa Corrêa



Feliz Dia Internacional da Mulher



42 comentários:

  1. Adorei os poemas! Com certeza uma bela homenagem ao dia da mulher. Adorei esse verso:
    No santo nome do teu martírio
    Do teu martírio que nunca cessa
    Meu Deus, eu quero, quero depressa
    A minha amada mulher que passa!
    Muito a ver com o meu momento!
    Um grande abraço!
    http:// www.lostgirlygirl.com

    ResponderExcluir
  2. Nossa, milênios que não lia Machado. Vinícius tenho uma relação menos distante, vira e mexe algum dos amigos cita em uma conversa, mas Machado é difícil... Gostei de relembrá-lo!

    Bel Góes

    ResponderExcluir
  3. Curti bastante a postagem. Mas esse conto do início foi genial hahahahahajajajaj adoro Machado, Vinícius... Parabéns pela postagem... E feliz dia das mulheres pra VC TB hehe

    ResponderExcluir
  4. Acho que se todas as mulheres fossem presenteadas diariamente com poemas e poesias assim seria tudo tão mais leve.
    Gostei muito da de Verissimo ♥

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  5. Que lindo! Belíssima homenagem!
    Postagem perfeita!
    Adorei as imagens que você escolheu também!

    Beijinhoss..
    http://estantedalullys.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Oi Quel, que linda homenagem, obrigada! Fiquei encantada com os poemas escolhidos.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  7. Heyyy, tudo bom? Adoroo este texto do Luís Fernando Veríssimo kkkkk Muito legal sua homenagem ao dia internacional da mulher. Gosto muto de Rosa também " Tu é, divina e graciosa estátua majestosa do amor, por Deus esculturada e formada com ardor...."

    http://www.porredelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Só autores toooooooooop. Adoro cada um deles haha E citações incríveis que você escolheu! Sério. Adorei cada palavra, algumas eu até nem lembrava de quem eram. Parabéns pelo post, ficou dez!

    ResponderExcluir
  9. Hahahaha Luiz Fernando Veríssimo é mito!
    Amei o começo da postagens e as poesias estão muito bem escolhidas e representa esse dia das mulheres.
    Feliz dia das mulheres Raquel, beijos grandes e parabéns pelo post tão bonito!!

    ResponderExcluir
  10. Oi!! Tudo certinho?
    Adorei as seleções, um poema mais bonito que o outro, já conhecia esse do Veríssimo, ri demais, antes mesmo do final eu já tava "sapo folgado" hahahahahaha
    um feliz dia da mulher também (meio atrasado, mas veio)
    um abraço!
    Pandora
    Pan's Mind

    ResponderExcluir
  11. Oi!

    Ótima escolha de poemas para comemorar esse dia tão importante para nós mulheres. Gostei mais do conto de Luis Fernando Veríssimo, simplesmente perfeito! rsrs

    http://infinitudedepalavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Feliz dia internacional da mulher (atrasado!)
    Adorei os poemas que você selecionou, principalmente o do Machado de Assis ♥

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  13. gostei muito dos poemas. A homenagem ficou linda.
    Beijos lindona.

    www.meumundosecreto.com.br

    ResponderExcluir
  14. Veríssimo é engraçado de um jeito que só ele consegue ser kkk
    Gostaria de te dar os parabéns pelas imagens, pois você representou todas as mulheres!
    beijinhos

    ResponderExcluir
  15. Adorei o conto do sapo, mas não gostei do texto da Clarissa Corrêa, pois generalizou demais. Conseguiu ser quase que uma descrição perfeita de tudo o que eu não sou, hahahaha.

    Bjs.

    http://www.ciadoleitor.com

    ResponderExcluir
  16. Todos excelentes.
    http://kintall3.blogspot.pt/search/label/Pensamentos%20by%20pessoas%20normais

    ResponderExcluir
  17. Que post maravilhoso! Amo poesia! Acho esse poema do Vinícius de Moraes estupendo. Vejo tão poucas pessoas postarem ou falarem sobre poesia, acho isso lamentável, pois é um gênero muito rico. Parabéns pelo post!

    Tatiana

    ResponderExcluir
  18. Oie!


    Qu coisa mais linda!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! amo poesia, é tão lindo de se ver, e ainda logo pela manhã é o melhor jeito de começar o dia!

    Beijaooo

    ResponderExcluir
  19. Nossa, fui passando o mouse e me perguntando, será que não tem nada escrito por mulher, até que finalmente me deparo com o texto da Clarissa Corrêa, menos mal. Com a realidade que é o mercado literário para mulheres no Brasil e ainda num dia de luta, tanto quanto os outros, só encontrar textos escritos por homens, confesso que fico um pouco frustrada.

    ResponderExcluir
  20. AMEI! Sério, você não tem noção... Gostei muito do seu post. Você fez uma ótima curadoria aqui, escolheu ótimos textos. Mas não tem jeito, o meu preferido é o do Veríssimo. Hahaha!
    Beijo grande!

    ResponderExcluir
  21. Olá!
    Que post mais lindo!
    Ver Veríssimo, Assis e Moraes juntos é incrível. O que mais gostei foi do Veríssimo se bem que, o da Clarissa também é muito bom!
    Adorei ter lido, obrigada por me presentear com isso <3
    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Olá, AMEI o texto do Luis Fernando Veríssimo! O post todo na verdade me agradou muito nessa data especial.

    ResponderExcluir
  23. Oie
    que bela forma de comemorar, muito interessante e é uma ótima homenagem

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Olá!

    Parabéns pelos poemas selecionados! Não sou fã de poesia, mas admiro quem sabe fazer, são pessoas excepcionais!

    ResponderExcluir
  25. Olá :D
    Achei muito massa os poemas que você selecionou :)
    Abraço
    http://interessantedeler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Oiie, adorei o post, sua seleção ficou maravilhosa.Eu sou apaixonada pelo Veríssimo,mas fazia um tempinho que não lia nada dele rs, gostei de entrar aqui e dar de cara com um dos meus favoritos.
    Parabéns atrasadão rs
    Beijos,beijos.

    ResponderExcluir
  27. Eu fiquei procurando um texto escrito por uma mulher. Ainda bem que encontrei.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  28. Lindos textos! Parabéns para todas nós! :D

    ResponderExcluir
  29. Olá.
    Que tanto de texto lindo.
    Mas adorei mesmo foi o primeiro do Luis Fernando Veríssimo! hahaha Essa me representa.

    Beijos
    http://aventurandosenoslivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  30. Hi baby, tudo bem? que post maravilhoso! adorei cada parte dele! nós mulheres somos maravilhosas e devemos ser homenageadas, respeitadas e ouvidas sempre <3

    Lilian Valentim
    http://speakcinema.blogspot.com.br/
    beijinhos

    ResponderExcluir
  31. Vinícius e essa poesia que eu amo! Post lindo! Que as pessoas aos poucos entendam que dia de respeito é todo dia. Beijos e sucesso!

    Carolina Gama

    ResponderExcluir
  32. Adorei o post, simplesmente perfeito! Luis Fernando Veríssimo é o máximo e nós mulheres somos maias ainda né ;) rsrsrs
    Beijão!

    ResponderExcluir
  33. Oie, tudo bem? Que homenagem mais linda a todas as mulheres. Deveríamos ter todos os dias em homenagem às mulheres, afinal nos esforçamos todos os dias para fazer as coisas melhores e deixar o mundo um lugar ainda mais bonito. Parabéns pra nós! Beijos, Érika

    - www.queroseralice.com.br -

    ResponderExcluir
  34. Olá!

    Que poema lindo! <3

    Beijos, Kamila
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
  35. Adorei os textos!!!
    rincipalmente do Luis Fernando Veríssimo, a ideia de mulher que lava, passa, cuida da casa, dos filhos e do marido já é mais do que ultrapassada e me da ate raiva alguem pensar isso.
    Claro que ainda as mulheres fazem isso, mas nao nascemos SOMENTE para isso, a gente pode muito mais, cada vez mais em posições de lideres em empresas, familias, na sociedade em geral.
    Parabéns as todas as mulheres!
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  36. Oie, tudo bem? O poema é realmente muito bonito. Uma linda homenagem e lembrança a todas as mulheres que fazem parte de nossas vidas. O dom de ser mulher é único e podemos fazer o lugar onde estamos um lugar melhor para todos. Beijos, Érika

    - www.queroseralice.com.br -

    ResponderExcluir
  37. Que poemas mais lindos, amei todos! Feliz dia das mulheres!

    Beijos
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  38. Oi *--*

    Não sou a maior apreciadora de poesias e poemas mas achei lindinho esses. Achei lindo a homenagem feita através dele, é sempre bom reconhecer as pessoas que estão ao nosso redor nesse caso as mulheres.

    Bjos
    rillismo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  39. Oi, tudo bem?
    Quanta lindeza!! Mas gostei especialmente do da rã pois me identifiquei, rsrs!
    Bjs

    ResponderExcluir
  40. Oii, tudo bom? Adorei os poemas! Uma bela homenagem ao dia da mulher! O dom de ser mulher é realmente único!

    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  41. Verissimo é sempre bem vindo! Os poemas dele são maravilhosos! Adorei a homenagem ao dia da mulher.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  42. Adorei todos os textos mas esse do Luis Fernando Veríssimo foi o melhor, na verdade adoro tudo que ele escreve.

    Coração Leitor

    ResponderExcluir